Me despedi da manhã

Me despedi da manhã. Me despedi dos amigos, planos e sonhos. Das conversas alheias, banais e insanas. Me despedi do rápido café e do medo de atrasar. Me despedi dos olhos cansados e avisos urgentes. Me despedi de um passado cinza e quase sem vida. Me despedi das pessoas queridas que me estimam e de tantas outras que hoje me condenam. Me despedi do frio da chuva que nunca me é primaveril. Me despedi do aquecer do sol. Me despedi de uma menina de olhos negros e expressivos que outrora considerava-me como amiga. E eu a tratava do mesmo modo.
Me despedi de um amor, romance solitário que nunca existiu. Me despedi da culpa e da indiferença que me fez silenciar. Me despedi para me salvar. Me despedi do castigo que era não amar e da presença ausente de um olhar repreensivo.
Me despedi das pessoas que me faziam rir sem que fosse necessário pronunciar algo. Me despedi das provas infidáveis de amizade e dos abraços eternamente carinhosos.
Me despedi de mim. Temendo que a outra voltasse e consumisse a todos com o seu veneno de orgulho. Me despedi do casulo que me prendia ao passado. Me despedi porque ganhei asas e, embora cansada e desmotivada, creio ainda ter a capacidade de fluir levemente como uma borboleta.

“É de manhã vem o sol
Mas os pingos da chuva
que ontem caiu
Ainda estão a brilhar
Ainda estão a dançar
Ao vento alegre
Que me traz esta canção.”

::Estrada do Sol – Tom Jobim

Anúncios

9 respostas em “Me despedi da manhã

  1. Vamos nos despedir das coisas que nos cansam e conhecer coisas novas que possam nos dar prazer. Vamos voar pra novos lugarres.
    Gosto do jeito como você traduz coisas cotidianas e transforma e coisas bonitas.
    =*

  2. É bom poder misturar a vida real e mil metáforas a ponto de inspirar as outras pessoas, naquilo que pra nós é só um desabafo, com classe. Muito bom pra variar.

    beijos

  3. Só quem acompanhou toda a situação vivida e descrita da mais bela forma, pode sentir plenamente tudo o que você passou por meio do texto.
    Gosto muito de ti e espero ver-te novamente algum dia!

  4. Todo dia a gente se despede de alguma coisa. Do tempo que se foi, do amigo, de uma dor, de um estresse, de um problema. Todo dia nos despedimos de um sofrimento, de uma sensação boa, de uma mudança, de alguém.

    Despedir é um ato de buscar encontrar coisas novas.

    :)

    Grande beijo Querida Nina.
    Te adoro anjo.

  5. hahaha

    vc não gostou da correção né? foi mal então, eu sou cahatinho com essas coisas mesmo.

    hahahaha

Fale com ela:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s