Tudo que eu desconheço

pride5

Do teu perfume, do cheiro da tua pele, o toque, a textura, a temperatura e do teu coração batendo acelerado. Dos nossos rostos colados, do teu abraço que não vai me deixar fugir. Das letras de música que você vai cantar ao pé do meu ouvido. Do primeiro beijo que vai me tirar o fôlego, devorar os meus sentidos e abrir caminho para outros tantos carinhos. Das estrelas que vamos esquecer de contar. Do brilho que eu quero ver no teu olhar. Da sorte que temos e que nem vamos pensar. Da felicidade que se faz de pequenos gestos e grandiosos afetos. Dos meus cílios colados na tua íris, dos olhos abertos e compreensivos, dos olhos fechados e sonhadores. Da confiança e proteção de um aperto de mão. Da ficção e da poesia que vamos escrever. Do silêncio e das palavras que irão nos rodear. Do nosso soneto que iremos cantarolar. Dos defeitos e medos que vamos revelar, conviver e aprender a gostar. Dos sorrisos e das mentiras sinceras. Das palavras que gritam ininteligíveis num idioma que só nós dois entederemos. Das confissões que iremos sussurrar. Da tua barba mal feita que me arranha o corpo todo. Do pôr-do-sol que iremos contemplar. Dos gostos que vamos compartilhar. Do futuro que iremos imaginar. Da oportunidade que você me deu de novamente amar. Do refúgio na insônia – único artifício que temos no momento para em um encontro pensar. Desse jogo sutil de breves indiretas para dizer que um ama o outro, da esperança de que ambos entendam e desse código displiscente que sem querer criamos. De tudo que eu desconheço, eu só quero saber em qual rua minha vida vai encostar na tua.

EU QUERO TE ROUBAR PRA MIM

(eu que não sei pedir nada)

Anúncios

12 respostas em “Tudo que eu desconheço

  1. Quem foi esse, capaz de te dar inspiração para escrever um texto desse?!
    Fico feliz que tenha o encontrado.
    E se ele te fizer sofre (bate na madeira), eu me acerto com ele!

  2. Nina você azaha, já te falei isso incontáveis vezes né?
    beijinhos.
    adooooooro isso aqui.
    crônica azahante.

  3. “Tu és como Deus: princípio e fim.” ;D

    Gostei
    Gostei do seu gosto
    por mentiras-sincerar
    por pôr-do-sol
    por F. Espanca (apesar do monopólio xD)

  4. Amei, amei, e amei mais ainda a explosão do final.
    De que filme é essa foto? Não me lembro de nenhum com a Kaiera Knightley e esse gatinho que eu não conheço!
    Ah, li o post passado também, tirou a citação de Orgulho e Preconceito né? Tenho taquicardia só de ler esse livro. Me deu saudades dele agora.
    Beijos

  5. Morro de inveja do Mr. Darcy rs
    Só que para informação dele, eu também tenho minha Keira. Ou melhor, não tenho, ainda. Mas já sonho com ela.
    Seu texto ilustra um sentimento semelhate, de amar o que ainda não tem. Gostei muito, pois me identifiquei.

    beijos.

  6. Tão lindo, tão cheio de desejo, de emocionar como a Mary West disse ai nos comentários.
    Bjitos!

Fale com ela:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s